quinta-feira, 19 de julho de 2012

"A volta dos que não foram"

Voltei.
Hão de me criticar aqueles que acham que devemos manter nossa palavra até o fim, só que às vezes é preciso voltar atrás em certas decisões.
Foi o que fiz.
Havia escrito que não mais postaria neste blogue, estava obstinado em excluí-lo da net inclusive, mas não.
Meus problemas ainda continuam, diminuíram até, mas eles ainda estão me atormentando.
Eu, indigno servo do Senhor e da Santa Igreja, jamais poderia, apesar dos meus pecados e limitações, abandonar a batalha.
Não prometo aos amigos leitores a mesma freqüência de outros tempos, mas não vou parar de usar as palavras para combater o bom combate.
Não sou (e nem pretendo) ser mais católico que os outros, não pretendo dar aulas de teologia ou coisa parecida, nem "ensinar o Pai-Nosso ao vigário", mas existem coisas que não podem ser omitidas, quando é para elogiar alguém do clero, estamos aqui para isso, mas se for para criticar...
Obrigado aos blogueiros Ana Maria Nunes e Theophilus, que com suas palavras me deram o apoio suficiente para esta "volta", e àqueles que, mesmo sem ter entrado em contato comigo, eu sei que fizeram votos para que eu retornasse.
Estamos de volta, e "a luta continua".

Um comentário:

Ana Maria Nunes disse...

Viu, coloca o Nunes aí, pq daí têm 'genteS' que lê e treme kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk