quinta-feira, 31 de março de 2011

Quanta falta faz a fogueira da Santa Inquisição!

Já não bastava vermos a morosidade da CNBB na evangelização deste país, principalmente no que se refere a essas campanhas da fraternidade inúteis, eis que ocorre, no Espírito Santo, uma afronta dos protestantes justamente durante um evento mariano naquele estado.

Os hereges “batistas” farão, no decorrer do evento católico, um imenso ataque proselitista, na ânsia de arrebanhar fiéis para a referida igrejola.

Quanta falta faz a fogueira da Santa Inquisição para os hereges e para os amigos dos hereges (leia-se clero modernoso e “fraterno”)!

E por falar em hereges...

A RedeVida, emissora de televisão dita católica, recebeu nesta semana um inimigo feroz da Santa Igreja: o senador Marcelo Crivella, “bispo” da seita macedista.

Aí eu pergunto: o que a direção da RedeVida tem na cabeça? Titica? Só pode ser.

Uma igrejola que usa a tevê Recópia, o jornaleco Folha Universal e outros meios de comunicação para atacar e caluniar o catolicismo, jamais deveria ter um representante seu ser recebido por uma instituição que se diz “católica”!

Repito: quanta falta faz a fogueira da Santa Inquisição!

-----------------------------------------------------------------------------

Fontes:

http://www.deuslovult.org/2011/03/30/protestantes-protestam-contra-a-virgem-mae-de-deus/

http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2011/03/noticias/a_gazeta/dia_a_dia/809964-catolicos-indignados-com-acao-evangelica-em-romaria.html

http://www.redevida.com.br/Noticia.asp?id=2026

http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/8/80/Inquisi%C3%A7%C3%A3o.jpg

segunda-feira, 28 de março de 2011

Comunismo de sacristia de luto

Ontem, dia 27 de março, faleceu um dos grandes nomes da TL tupiniquim, o padre belga José Comblin.

A tal da “igreja popular”, afro, indigenista, relativista e invasora de terra alheia está de luto.

Que Deus tenha piedade da alma do reverendo padre dos “pobres”.

---------------------------------------------------------------------------------------

Fonte da notícia e da imagem: Adital.

Obs.: sobre a teologia do dito cujo, recomendo a leitura do texto a seguir:

http://la3.blogspot.com/2010/04/eis-um-tipico-anti-padre-jose-comblin.html

quarta-feira, 23 de março de 2011

O catolicismo em extinção

Quando se fala em extinção do catolicismo, logo vêm à nossa mente lugares como a atual Argélia, que antes da invasão árabe nos século VII e VIII, era um importante centro cristão da África do Norte, abrigando, inclusive, a antiga cidade de Tagaste (atual Souk-Ahras), terra natal do grande Santo Agostinho. Ou a diminuição dramática do número de grupos católicos no Oriente Médio, onde comunidades inteiras desapareceram, principalmente no Iraque, no Irã e na Cisjordânia.

Mas não! Quando falo em extinção do catolicismo, refiro-me especificamente ao município cearense de Jijoca de Jericoacoara!

Extinção? “Não é exagero do blogueiro?”, deverá perguntar o leitor deste mero blogue...

Não! E digo mais: os hereges estão em plena expansão aqui na cidade!

Porque digo isso? Porque de uns tempos para cá, muitos que se diziam católicos estão deixando aquela igreja sobre a qual “as portas do inferno jamais prevalecerão” (ver em Mateus 16, 18), para aderirem às novidades e “fábulas” (ver em II Timóteo 4, 4) pregadas por seitas criadas por homens.

É preocupante ver que vários “evangelhos” estão sendo adulterados e pregados, e que a paróquia se empenhe mais com dancinhas “ecologicamente corretas”.

Eu não quero ir à missa para ouvir falar de porcaria de “consciência ecológica”, eu não quero ir à missa para ver aquele besteirol de dancinha em prol da tal de “mãe” Terra!

Eu quero ir à Santa Missa para ouvir falar de santidade, de combate ao pecado, de conversão permanente, enfim, eu quero que o padre daqui chame a atenção do povo, “puxe as orelhas” mesmo, para que o rebanho se volte para Deus!

De que adianta viver a Quaresma atualmente? Só para refletir sobre os temas enfadonhos da Campanha da Fraternidade? Isso é muito chato! Se alguém parar para prestar atenção, pode reparar que são sempre os mesmos temas, só que com nomes diferentes, ou a CF-02, por exemplo, cujo tema foram os indiozinhos, é diferente da CF-04 (se não me engano), cujo tema foi a proteção das águas?

Na localidade de Jericoacoara, por exemplo, é outra calamidade: por se tratar de um destino turístico procurado por gente de muitos países, é dominante a mentalidade hedonista, onde o prazer é a regra, além de uma forte influência da tal de “Nova Era”. Só que agora as seitas protestantóides estão arregimentando os jovens, e é triste vê-los indo a algumas dessas igrejolas. Ainda que isso seja mais na base do oba-oba, pelo menos eles estão lá ouvindo alguma coisa que tenha um pouco a ver com a Bíblia, não com proteção da “mãe natureza”.

O mais alarmante é que até gente que era coroinha se bandeou para as seitas! E o pior: chama a hóstia consagrada de “isopor”! QUE BLASFÊMIA!!!!!!

Continuem sempre assim, veneráveis bispos e padres do Brasil, preocupem-se mesmo com a natureza! Este mundo material é passageiro, tudo o que vemos vai acabar de qualquer maneira!

Proteger a natureza é importante? Claro que é, não sou louco de afirmar o contrário, só que a ecologia jamais deveria se sobrepor à teologia e à evangelização, ou Nosso Senhor Jesus Cristo mandou os apóstolos “defenderem a mãe Terra”?


Que Santa Luzia, virgem e mártir, padroeira da paróquia daqui, interceda por esta igreja que padece aqui no Ceará!

-------------------------------------------------

Fonte da imagem:

http://stbrigidccd.com/saints/Lucy.htm

terça-feira, 22 de março de 2011

Agradecimento especial

Agradeço a São José Operário por uma graça alcançada.

Fonte da imagem:

segunda-feira, 21 de março de 2011

É só capoeira, rebolado e batuque que existem no Brasil?

Por que toda vez que algum gringo famoso vem ao Brasil, seja ele artista ou político – como o Obama – os brasucas sempre vêm com aquela frescura de ficar exibindo favela, escola de samba e capoeira.
Isso é chato, dá até vergonha. Esta porcaria de país só foi feita por pretos?
Pretos, brancos, índios e o caramba a quatro! Será que não perceberam a cara de tédio da Sra. Obama? Só os do mundo de algodão-doce não viram!
Aquilo é frescura! Por que não levaram Mister Obama para uma universidade, ou uma fábrica de alta tecnologia? O nosso Brasil (que já não quer ser) varonil tem muita coisa boa a ser mostrada ao mundo, não é só bunda, rebolado e gingado dos capoeiras!
A idéia de escrever essas coisas já estava na mente, mas me baseei nas palavras de Reinaldo Azevedo.

quarta-feira, 16 de março de 2011

Finalmente alguma coisa boa do papa!

Bento XVI diz em seu último livro: Jesus Cristo não era um revolucionário!

Veja em:

http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,papa-diz-em-novo-livro-que-jesus-nao-era-revolucionario,690176,0.htm

segunda-feira, 14 de março de 2011

"Besteirol" papal

É duro, mas o que dizer sobre a última de Bento XVI?
“A Igreja não deve buscar a conversão dos
judeus?”
Desculpa, mas depois dessa, seja lá qual for o contexto em que ele disse, Sua Santidade errou.
Errou, errou e errou sim! Não sou sedevacantista, mas para um pontífice que começou um papado com muitos católicos esperançosos de que ele ao menos não repetiria as loucuras ecumaníacas de João Paulo II, isso aí foi (mais um) balde de água fria.
Sem querer “ensinar o Pai-Nosso ao vigário” (literalmente), mas Ratzinger perdeu uma ótima oportunidade de ficar calado. A notícia (original em inglês) foi-me enviada pelo Theophilus do blogue Spem in Alium.
Depois ainda tem imbecil que diz que Ratzinger é nazista!Então um famoso judeu que se converteu – e foi ordenado sacerdote – perdeu muito do seu precioso tempo, pois não deixou ninguém tomando conta do lojinha...

sexta-feira, 11 de março de 2011

Mamãe, eu quero ser famoso!

Neste mundo de “algodão-doce” e faz-de-conta, as pessoas, principalmente os jovens, só têm um único objetivo na vida: o estrelato, a fama, os holofotes do “sucesso”, principalmente neste Brasil (ainda) varonil.

Qualquer bombadão anabolizado quer entrar no tal de BBB, Big Bos... Brasil, ser ator de Roliúde ou da tevê Grôbo e o pior, quer ser cantor...

Qualquer mocréia de periferia quer sair pelada na revista ou mostrar a busanfa na Marquês de Sapucaí...

Qualquer perna-de-pau quer ser um “fenômeno” dos gramados...

Qualquer palhaço analfabeto quer ser deputado federal...

Aí pergunto: e estudar, ninguém quer? Quem quer crescer profissionalmente por meio do estudo?

Terminar o ensino médio, ninguém quer? Pelo menos estudar para deixar de ser analfabeto...

O conhecimento é o único bem que não nos pode ser roubado.

Quantos jogadores de futebol que, no auge da fama ganhavam rios de dinheiro, que hoje, aposentados, estão mendigando atenção?

Quantas atrizes famosas que, depois que ficaram velhas, foram esquecidas pelas emissoras?

Ninguém quer o trabalho duro, comer o pão com o “suor do rosto” (Gênesis 3, 19).

Ninguém quer estudar.

Ninguém quer aprender – aprender é verbo anatematizado pelos preguiçosos de espírito.

Deveriam aprender ao menos que as cataratas do Iguaçu não ficam perto da Venezuela e que Roraima não fica perto do Paraná. Clique aqui.

quinta-feira, 10 de março de 2011

O uso oportunista da História

Nos meus tempos de estudante, sempre aprendi que a Guerra do Paraguai foi tão somente o ataque exagerado do Império do Brasil contra o Paraguai de Solano López. Claro, com o ensino da História contaminado pela esquerdalha, qualquer vitória do Brasil sobre qualquer vizinho já tem o infame cheiro de “imperialismo”.

Recentemente, em Mato Grosso do Sul, ao escrever sobre o assassinato de um cacique por lá, um articulista da Adital já deu uma das possíveis causas do crime: o racismo:

“Quando a defesa dos réus procurava inocentar seus clientes dizendo que Marcos Veron não era índio, era um 'paraguaio', destilavam o mais fino requente de discriminação contra nossos vizinhos, contra os quais nosso país comandou um dos maiores genocídios do continente.

http://www.adital.com.br/site/noticia.asp?lang=PT&cod=54460

Será que a Guerra do Paraguai foi mesmo a agressão de um imperadorzinho branquelo de olhos azuis contra uma próspera república auto-suficiente na bacia do Prata?

Vejamos:

“Já o falecido professor Alfredo Arraes Alencar, em interessante artigo, esclareceu:
'A causa remota da guerra (do Paraguai) foi e megalomania de Lopez. Foi o seu ambicioso intento de conquistar territórios, a fim de estender seu domínio até o estuário do (rio) Prata. Para isso preparou-se largamente, armando o exército, construindo navios e levantando inexpugnáveis fortificações.
Declarou López ao escritor espanhol Bermejo: Sou soldado e tenho de declarar guerra ao Brasil. Se deixei que meu pai firmasse a paz, foi porque eu queria a glória de mostrar às repúblicas vizinhas que basta o Paraguai para derrubar aquele colosso”.

http://caririag.blogspot.com/2008/08/guerra-do-paraguai-verdade-dos-fatos.html

Quanto à questão de racismo, no Paraguai existe preconceito contra brasileiros, seja no período 1864-1870 (anos da guerra), seja agora no início do século XXI:

“O uso de escravos no exército brasileiro afetou também a economia do Império, pois houve falta de mão-de-obra, além de ser motivo de deboche por parte dos paraguaios. O jornal paraguaio Cabichuí referia-se ao exército brasileiro como 'exército de macacos'”. (veja figura acima)

http://www.historiamilitar.com.br/Artigo5RBHM3.pdf

“Considerados, ao longo dos anos, como a mais importante força produtiva do campo no Paraguai, sobretudo, com a monocultura da soja na região fronteiriça com o nosso país, o grande número de imigrantes brasileiros formou um verdadeiro "espaço brasiguaio" na porção leste do Paraguai.

No entanto, muitos emigrantes brasileiros estão retornando ao Brasil, expulsos das terras por policiais, milicianos, camponeses e, sobretudo, pelos campesinos (os sem-terra paraguaios).”

http://marlivieira.blogspot.com/2010/07/conflito-no-campo-entre-campesinos-e.html

Usar a morte de um índio para atacar a memória do país, que precisou se valer da força para reagir a uma agressão, além de ser desonesto é também ingrato, tendo em vista que muitos brasileiros perderam a vida nesse terrível conflito, defendendo a Pátria contra a agressão externa, representada pela pessoa de dón Francisco Solano López, que queria nos ROUBAR parte do nosso território!

Fonte da imagem:

http://people.ufpr.br/~lgeraldo/brasil2imagensD.html

domingo, 6 de março de 2011

São Leão IX e o respeito às falsas escrituras

“Anatematizamos a toda a heresia que se levanta contra a Santa Igreja Católica e juntamente a quem quer que haja venerado a outras escrituras fora das que recebe a Santa Igreja Católica.” (Papa São Leão IX)

----------------------------------------------------------------------

Fonte do texto:

http://www.tradicaoemfoco.com/2011/01/joao-paulo-ii-digno-da-beatificacao.html

----------------------------------------------------------------------

Espero que, após João Paulo II ter morrido, ele tenha caído na real e se arrependido de ter feito a besteira de ter beijado o livreco infame...

----------------------------------------------------------------------

Fontes das imagens:

http://www.tradicaoemfoco.com/2010/12/o-que-dizer-do-papa-joao-paulo-ii.html

http://www.heiligenlexikon.de/BiographienL/Leo_IX_.html

sexta-feira, 4 de março de 2011

Ecumania petrina

As derrapadas ecumênicas de Bento XVI, nos mesmos passos de João Paulo II, só me fazem imaginar como seria um São Pedro modernista e ecumaníaco: São Pedro no Encontro Mundial pela Paz.

quinta-feira, 3 de março de 2011

Em memória de Shahbaz Bhatti

“O sangue dos mártires é semente de novos cristãos” => Ministro cristão é assassinado no Paquistão.

------------------------------------------------------------------------

Fonte da imagem: http://sol.sapo.pt/inicio/Internacional/Interior.aspx?content_id=13099

terça-feira, 1 de março de 2011

Palavras do papa

O papa Urbano II já dizia, ao convocar as Cruzadas em 1095 contra os infiéis:

"Eles [os muçulmanos] circuncisam os cristãos e despejam o sangue da circuncisão no altar ou nas pias batismais. Eles têm prazer em matar os outros, à medida que lhes cortam a barriga e puxam uma extremidade do intestino, atando-a a um poste. Aos golpes, eles os perseguem em torno do poste, até as vísceras saírem para fora e eles caírem mortos no chão. Vocês deveriam ficar tocados com o fato de o Santo Sepulcro de nosso Salvador estar nas mãos desse povo impuro, que – com sua imundície – está maculando de maneira desavergonhada e sacrílega os nossos santuários sagrados."

Essas palavras valem principalmente para hoje!

Fonte do texto e da imagem: Deutsche Welle.