segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Testemunho de uma pessoa humilde

Testemunho de uma pessoa humilde no orkut:

“Eu fui católico de berço até os meus quase 30 anos de idade, meu amigo! E sei que não irei para o inferno. Basta também aos católicos e espíritas se converterem, como eu fiz, e pronto! Tudo estará resolvido!”

Eu perguntaria a ele o seguinte: “Então você já está salvo? ‘Está certo disso’?” Hum, que interessante...
Cuidado, prezado protestante, pois o próprio Senhor Jesus já nos alertava sobre pessoas que têm essa certeza:

“Nem todo aquele que me diz: Senhor, Senhor, entrará no Reino dos céus, mas sim aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não pregamos nós em vosso nome, e não foi em vosso nome que expulsamos os demônios e fizemos muitos milagres?
E, no entanto, eu lhes direi: Nunca vos conheci. Retirai-vos de mim, operários maus!”
(Mt 7, 21-23)

Diz ainda o Apóstolo São João:

“Se dizemos ter comunhão com ele, mas andamos nas trevas, mentimos e não seguimos a verdade.
Se, porém, andamos na luz como ele mesmo está na luz, temos comunhão recíproca uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo pecado.
Se dizemos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós.
Se reconhecemos os nossos pecados, (Deus aí está) fiel e justo para nos perdoar os pecados e para nos purificar de toda iniqüidade.
Se pensamos não ter pecado, nós o declaramos mentiroso e a sua palavra não está em nós.”
(1Jo 1, 6-10)

E a essa pessoa o Evangelista se refere assim:

“Eles saíram dentre nós, mas não eram dos nossos. Se tivessem sido dos nossos, ficariam certamente conosco. Mas isto se dá para que se conheça que nem todos são dos nossos.” (1Jo 2, 19)

Resumindo: essa certeza de que já tem a salvação garantida chama-se PRESUNÇÃO.
Para encerrar, faço minhas estas palavras: "enquanto existirem idiotas, os protestantes sempre crescerão" (Pe. Divino A. Lopes).

Trechos bíblicos retirados da Bíblia Católica Online – http://www.bibliacatolica.com.br/

2 comentários:

Theophilus disse...

"Trabalhai com temor e tremor pela vossa salvação. Pois é Deus quem, segundo o seu desígnio, opera em vós o querer e o agir" (Filipenses 2,12-13). Se já estamos salvos somente pela Fé como acham os protestantes, então como explicar esta passagem, senão estuprando o pensamento de São Paulo?
E que dizer deste outro trecho da Bíblia: "Assim, também a fé, se não tiver obras, é morta em si mesma" (Tiago 2: 17)? E desta parte: "Porque somos obras sua, criados em Jesus Cristo para (fazer) boas obras, que Deus preparou para caminharmos nelas" (Ef 2, 9)? Ou desta: :"Mas, quando dás esmola, não saiba a tua esquerda o que faz a tua direita, para que a tua esmola fique em segredo; e teu Pai, que vê (o que fazes) em segredo, te pagará". (Mateus, 6: 3-4)? Se o Pai paga, é que é importante, para nossa salvação, fazer boas obras!

Evandro disse...

Prezado Theophilus, seja bme-vindo mais uma vez!
DEUS te abençoe.