domingo, 11 de janeiro de 2009

Que doideira – parte 5

Uma certa senhora de Apucarana, estado do Paraná, fez o seguinte pedido ao Pe. Divino Lopes, do Instituto Filhos da Paixão:

Oi, preciso de CD com músicas afro-religiosas, missa dos quilombos, outros: ‘lá vem a Senhora negra’, ‘a comunidade toda está aqui’, ‘lá vem das senzalas de ontem’, cânticos de aclamação, comunhão e final. Obrigada.

Eis a resposta do padre Divino:

Prezada senhora, lembre-se continuamente de que o INFERNO existe: “Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno preparado para o diabo e para os seus anjos” (Mt 25, 41).
Caríssima, sou SACERDOTE da Igreja Católica Apostólica Romana, a ÚNICA ESPOSA do Cordeiro; não sou pai-de-santo.
Para adquirir essas coisas, escreva para um terreiro de macumba.
Caso queira um CD de Canto Gregoriano e um livro
Preparação para a morte, envie o endereço completo.
Medite sobre o FOGO do INFERNO: “O fogo que aqui na terra ilumina, não será luminoso no inferno. ‘Voz do Senhor, que despede chamas de fogo’ (Sl 28,7). Explica São Basílio que o Senhor separará do fogo a luz; de modo que estas chamas arderão sem iluminar; o que Santo Alberto Magno exprime mais brevemente nestes termos: ‘Separará do calor o resplendor’. O fumo sairá dessa fogueira e formará a espessa nuvem tenebrosa que, como diz São Judas, cegará os olhos dos réprobos (Jd 13). Haverá ali apenas a claridade precisa para aumentar os tormentos. Uma sinistra claridade que permite ver a fealdade dos condenados e dos demônios, assim como o aspecto horrendo que estes tomarão para causarem mais horror”
(Santo Afonso Maria de Ligório).
Fonte:
A propósito, a foto abaixo é de uma missa ou foi tirada de um terreiro de macumba mesmo?

Um comentário:

Ana Maria Nunes disse...

Tenho esse livro Preparação para Morte, de Santo Afonso de Ligório, se alguém quiser, deixe email no meu blog(n publico) e mando o livro.