sábado, 20 de junho de 2009

Overdose de borracha

Olha que notícia interessantíssima:
Quinta-feira, 18 de junho de 2009 - 15h30
Pesquisa aponta necessidade de mais campanhas sobre uso de preservativos
A redução nos índices de uso da camisinha revela a necessidade de se investir mais em campanhas de orientação por parte do Ministério da Saúde, avalia o infectologista da USP, Fábio Leal.
O dado consta de pesquisa divulgada nesta quinta pelo Ministério da Saúde sobre a sexualidade do brasileiro.
As mulheres usam menos camisinha do que os homens, o que mostra que elas confiam mais no parceiro.
Segundo o psicoterapeuta da Unifesp, Aderbal Vieira Junior, a visão da mulher é mais romantizada e ela tem menos poder de barganha.
Daniela Carvalho
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Mais campanhas? Haja borracha para fazer tanto preservativo!
Como assim “necessidade de se investir mais em campanhas”?
Já não basta a massiva distribuição das borrachinhas no carnaval, nas festas juninas (!!!) e até nas escolas (!!!!!!!!!!), agora vem alguém e diz tamanha idiotice?
O Ministério da Saúde investe pesado, alardeia, bate e rebate nessa tecla de “sexo seguro” e ainda assim acha pouco?

2 comentários:

Ana Maria Nunes disse...

Bom, propaganda nas emissoras de tv pararam mesmo, os fabricantes devem estar reclamando. Só por Deus!!!

Evandro Monteiro disse...

Ana, se desse jeito é considerado pouco, que dirá se fosse muito...