terça-feira, 1 de setembro de 2009

Damas de honra? Não! Noivas!

Danem-se os cultuadores das diferenças!
Danem-se os dialogantes ecumênicos!
Dane-se o Islã!
Que vão para o inferno essas crenças malditas que obscurecem a razão humana!
Você que é homem, sentiria alguma atração sexual por uma menina destas?
A imprensa mundial, que pegava tanto no pé do finado Michael Jackson por causa da forma esquisita dele mostrar carinho pelas crianças, bem que poderia se manifestar em relação a isso!

Será que esses porcos imundos - os suínos que me perdoem - não se envergonham de conseguir uma mulher dessa forma? Veja cara leitora, se você deixaria alguma filha sua, uma criança, se deitar com um marmanjo!
Os demo(nio)cratas haverão de dizer que faz parte da tradição...
Que tradição mais estúpida e repugnante é essa?
Tudo isso com o patrocínio dos "libertários oprimidos" do Hamas!
Nem entre as feras do campo, nem mesmo entre as mais nojentas baratas se vê algo tão bárbaro!
A maçônica ONU sempre manda os seus malditos representantes para o Brasil, sempre para defender bandido e menor infrator...
Pode ter certeza de uma coisa, caro leitor, prezada leitora: no dia do Juízo, Maomé figurará entre os primeiros a serem julgados por Issa al-Masih (Nosso Senhor Jesus Cristo para os árabes cristãos), e que ele será analisado por todas as obras que ensinou, por se colocar acima do Divino Salvador, pelo terrível mal às almas que se perderam e pelo sangue dos cristãos que clamam vingança até hoje!

Fontes:
http://www.midiasemmascara.org/index.php?option=com_content&view=article&id=8197:a-pedofilia-do-hamas&catid=115:denuncias&Itemid=134

http://advhaereses.blogspot.com/2009/08/hamas-incentiva-pedofilia.html

4 comentários:

Sara Rozante disse...

Caro Evandro, isso é uma barbárie, revoltante, patético!
Não sei nem o que postar mais!
Fico imaginando o que os pais dessas meninas não fazem com elas, às escondidas.
Sim, porque um pai entregar-lhe à um marmanjo, deve ter o mesmo pensamento e as mesmas atitudes.
Oremos à Deus!

Sara Rozante

Evandro Monteiro disse...

Infelizmente, prezada Sara, até o finado João Paulo II dialogava com essa raça desgraçada, chegando até a beijar aquele livreco horroroso lá, o algodão, o almoxarife, o alfazema... sei lá, aquela porcaria imunda que deveria ser lançada à fogueira!

Luiz disse...

NOJENTO!!!

FireHead disse...

Boas,

Eu não sei se será verdade o nome árabe de Jesus ser Isa, como querem fazer crer os muçulmanos.
Não sei se possuis algum conhecimento do Alcorão, mas o Isa falado nesse livro demoníaco é tudo menos Jesus, o Verdadeiro. Se não estou em erro, penso que o verdadeiro nome árabe de Jesus é «Yasou», e em chinês «Iéssou». Isa é uma versão islamizada de Jesus, moldando-O ao islão, logo é falso e blasfemo.
Há um site bastante interessante que denuncia bastante bem essa farsa, que porém parece ser protestante, mas vale bastante a pena dar uma vista de olhos nele: http://www.answering-islam.org/portugues/index.htm

Um abraço.