sábado, 5 de setembro de 2009

O CACP e o tiro no próprio pé

Já é sabida dos católicos bem instruídos a desonestidade intelectual dos hereges do CACP.
Além de mentiras plantadas contra o catolicismo, eles gostam de usar certas regras da Santa Igreja para atacá-la, como por exemplo, o celibato.
Atribuem ao celibato a presença de padres tarados, pedófilos e homossexuais, como no texto abaixo:

“A notícia [...] de que parte do clero não cumpre nem respeita o celibato e ainda sai a violentar freiras e noviças - não é senão conseqüência da férrea lei que impede o clero latino de casar e que o impele a uma solução alternativa de fazer caso omisso de suas promessas. Estatísticas do país das pesquisas, os Estados Unidos, revelam um mar de lama que a hierarquia católica quer silenciar [...].
Um professor jesuíta
[Esse povinho do CACP tem uma verdadeira fixação com os jesuítas!] da Universidade de Harvard, o padre Fischler, descobriu que 92% do clero norte-americano sugeria [sic] que os sacerdotes pudessem escolher livremente se queriam ser casados ou solteiros. Outro sacerdote e psicoterapeuta, o padre Sipe, revelou que só 2% desse clero cumprem o celibato; 47% o fazem ''relativamente''; e 31,5% vivem uma relação sexual, das quais um terço homossexuais. Diante disso, vários bispos têm solicitado que se elimine o celibato para o clero latino.
[...]
Não seria então natural e humano que a Igreja de Roma suprimisse a hipocrisia do celibato, que tantos males sexuais traz como conseqüência, e que Roma faça caso das sensatas petições, nesse sentido, de alguns bispos, moralistas e católicos seculares?”

Fonte:
http://www.cacp.org.br/catolicismo/artigo.aspx?lng=PT-BR&article=800&menu=2&submenu=13

Ora, acusar o celibato de ser o motivador de tantos padres tarados é uma grande patifaria e acusação sem fundamento.
Então, o que dizer destes casos abaixo?

Pastor tarado ainda não deu a sua versão
Condenação de pastor estuprador é mantida pelo STJ
Justiça condena pastor acusado de estupro em MS
Pastor é condenado por estupro e atentado violento ao pudor
Pastor acusado de abuso sexual em bairro de Vitória
Pastor preso confessa abuso sexual contra quatro crianças
Em São Luís, um pastor evangélico é acusado de violentar uma criança de sete anos, a menina que ele tentava adotar

E aí, caro leitor, prezada leitora? Será que esses casos acima citados têm a ver com a prática do celibato?
É inegável, infelizmente, que temos muitos calhordas de batina, que se aproveitam da condição de padres para tirarem proveitos escusos. Mas querer acusar o celibato como o ÚNICO causador dos escândalos sexuais na Igreja, é dar um tiro no próprio pé.
E quanto aos pastores casados que têm uma atividade sexual ativa [muitos até passiva, perdoem-me pela piadinha infame] e que usualmente se aproveitam da ignorância dos fiéis para satisfazerem-se na carne?
Não seria então natural e humano que a arraia-miúda do CACP suprimisse as mentiras por ela inventadas?

5 comentários:

Sara Rozante disse...

Caro Evandro, além de atirarem no pé direito, atiram no pé esquerdo:
http://srozante.blogspot.com/2009/09/desconectadas-cem-comunidades-sociais.html

Esses protestantes!
Fique com Deus!

Sara Rozante

Du Santana disse...

Sou protestante e não concordo com isso. Ainda que haja pastores e padres que dão péssimo exemplo não devemos julgar uma denominação inteira por conta disso.

Vc tem todo o direito de se defender, o CACP, é um dos piores sites, organização, seja lá o que for, que existe.

até minha irmã de 12 anos entra no site e vê falhas e deturpações da biblia por conta dos apologetas do cacp.

Eles não pregam a palavra e sim ódio.
veja se no site deles tem espaço para algum comentário ou e-mail para contato. não. eles não estão abertos a discussão.
até uma criança derrubaria um apologeta do cacp numa discussão sobre a biblia. eles tem medo disso, aproveitam a internet pra fazerem o que querem sem se preocupar.

Eles deturpam uma série de doutrinas e quem são para isso?
São Deus?

Acho que não existe nenhum cristão no cacp.

Evandro Monteiro disse...

Prezado Du Santana, seja bem-vindo!
Olha, é alentador que nem todos vocês concordem com as mentiras do CACP, que têm cometido erros crassos de História, por exemplo.
Outra coisa: sei muito bem que nem todos os pastores são corruptos.
Posso te fazer um convite? Procure conhecer a história de John Henry Newman, nascido e criado no protestantismo, mas que depois de tempos estudando a bíblia, a teologia e a história, acabou por converter-se ao catolicismo, tornando-se cardeal.
Até a próxima!

arnaldo disse...

nao sou catolico. e nem evangelico.mas tenho um pouco de conheçimento da biblia.minha opinia e essa enquanto jesus e os diçipulo tentava levar uma messagem de paz.de cura espiritual e cura fisica.ums sertos fariseus .que nunca fiserao nada pra ninguem.vivia criticando.perseguindo.e apontando.os erros destes.e esses fariseus estao ai ante hoge.se essa tau de cacp nao tem pecado.que atirem a primeira pedra. e vai ajudar a quem preçisa.ao inves de figar julgando os outros.

Evandro Monteiro disse...

Caro Arnaldo, antes de curas físicas e/ou espirituais, o Senhor Jesus e os discípulos pregaram a conversão dos pecadores e a busca da santidade. O mais vem por acréscimo, como Ele mesmo disse.